Quem somos

FUNDAÇÃO

A UNIÃO MUNICIPAL ESPÍRITA DE PIRASSUNUNGA, teve seu início em 16 de setembro de 1959, com a finalidade de desenvolver o trabalho social pelas Instituições Espíritas da cidade. O Lar André Luiz iniciou suas primeiras atividades de assistência social na Via Anhanguera Km 207, onde esteve sediado até 1974, e em maio desse mesmo ano, transferiu sua sede para a Rua Allan Kardec, 412, Vila Industrial, onde mantém-se atualmente.

Até 1996, distinguiu seus propósitos sociais para o sexo masculino, com atenção destinada ao Internato de crianças e adolescentes órfãos e também aos que se encontravam em risco social, desde berçário até a idade de 18 anos, com recursos oriundos de programas e projetos aliados a órgãos públicos.

ATUALMENTE

O Lar André Luiz atende cerca de 100 crianças, de ambos os sexos, possui um corpo assistencial de 14 funcionários remunerados e 4 sedidos pela prefeitura, através de Chamamento Público, para o desenvolvimento educacional e social de nossos assistidos.

Contamos com a colaboração do apoio financeiro criado através da Central de Doações (Telemarketing). Elemento vital de apoio e confiança, e responsável pela manutenção de 70% das necessidades atuais do Lar André Luiz, sendo os outros 30% complementados com eventos e valores recebidos através de Chamamentos públicos. Dessa forma, conseguimos manter um programa de atendimento as nossas crianças. Contamos também com um grupo de voluntários de diversas áreas (Odontologia, Oftalmo, Música e Esportes).

INFRA ESTRUTURA

Contamos com 13 salas de aula, abrangendo a Educação Infantil, auditório, biblioteca, salão para atividades de cultura, música e dança, refeitório, quadra poliesportiva, salas para atendimentos, parque para atividades de recreação e uma amplo pátio para atividades físicas e educacionais.

TRABALHO SOCIAL

O Lar André Luiz trabalha com uma estrutura social de apoio e estímulo ao desenvolvimento econômico e familiar, possibilitando aos responsáveis, a disponibilidade para entrar no mercado de trabalho e a segurança do bem-estar de seus filhos. Ou seja, o atendimento à criança é compreendido de forma holística; sob os aspectos sociais, pedagógicos, psicológicos e morais, dentro do contexto institucional.

Além do trabalho direto com a criança (oficinas sociais), observamos fatores intrínsecos a ela, tais como: convivência familiar, escolar, hábitos alimentares, higiene e saúde.

Dentro do contexto social, priorizamos o atendimento ao assistido e a família, vista como alicerce fundamental ao desenvolvimento do mesmo. O Lar André Luiz desenvolve ações utilizando-se de atendimentos individuais, visitas domiciliares e entrevistas. Estabelecendo assim, perfis, através de triagens, identificando problemas emergenciais para concessão de auxílios concretos como roupas, calçados, uniformes, cestas básicas, entrega de legumes e verduras as famílias mais carentes, além de três refeições diárias servidas na instituição.

O Lar André Luiz trabalha na perspectiva de criar vínculos, instituições família, com o propósito de identificar agentes multiplicadores dentro dessa dinâmica social.